Resposta ao apelo feito pela direcção do Centro Social da Freguesia de Famalicão

Respondendo ao apelo feito ontem pela direcção do Centro Social da Freguesia de Famalicão no sentido da liquidação da divida da Câmara Municipal da Nazaré, que nesta altura ascende aos cento e vinte e oito mil euros, colocando em risco a viabilidade da própria instituição, o PS reitera a importância fundamental do apoio social para a comunidade que o Centro Social da Freguesia de Famalicão detém.

Assim, o Partido Socialista tudo fará para que o assunto tenha a prioridade que merece na próxima Assembleia Municipal, garantindo a atenção para o problema por parte do Presidente do Município, que desde o início do mês de Setembro ainda não agendou a reunião pedida pela Instituição Particular de Solidariedade Social.

Os incumprimentos por parte da autarquia são públicos e cada vez mais recorrentes. Finalmente o descontrolo financeiro está a dar razão ao Partido Socialista, colocando em causa um dos argumentos defendidos pelo PSD Nazareno para o montante gigante da divida – o dinheiro foi empregue no social, nas pessoas. Como vai o PSD justificar, a acontecer, o corte das refeições das crianças, o corte no apoio à família, o não pagamento de salários, o fim do apoio domiciliário assim como o fim do apoio às populações locais?

O Partido Socialista compromete-se publicamente a procurar todas as formas de resolução desta situação, alertando mais uma vez para a necessidade de uma auditoria externa às contas da autarquia, para que possamos enfrentar os problemas com rigor, com transparência e lisura de processos.

Facebook Connect